Descubra como potencializar sua vida sexual em três passos

Três dicas para sua vida sexual

Homem e potência sexual são palavras praticamente sinônimas no vocabulário masculino. Através dos séculos o entendimento da masculinidade contempla a capacidade de ereção peniana e sua sustentação. Apetite e competências sexuais são itens que, na maioria das vezes, qualificam o tamanho da hombridade.

Na mesma proporção que a confiança aumenta enquanto você é viril, ela também diminui quando o medo de falhar na atividade sexual existe. Então buscar formas de manter-se potente e ativo sexualmente são dos maiores interesses do homem, porém as ações que incentivam uma vida mais potente, precisam ser de forma acessível para que todos possam desfrutar dos prazeres que o sexo nos traz.

Neste texto, vamos trazer três dicas, que qualquer homem pode incorporar em sua vida, e que serão capazes de transformar sua vida sexual, melhorando inclusive sua autoestima e confiança.

Em primeiro lugar é importante entender que saúde anda lado a lado com uma vida sexual plena e ativa. Então não conseguimos falar sobre potência sexual se você não decidir incorporar hábitos saudáveis capazes de promover emagrecimento e maios disposição no seu dia. Mas pode ficar tranquilo, por mais que as duas primeiras dicas sejam referentes e hábitos saudáveis, a última (e melhor) você conseguirá aplicar imediatamente, e garantimos que o resultado é imediato.

DICA 1: PRATIQUE ATIVIDADE FÍSICA

As pesquisas apontam que a perda de peso, acompanhado da prática sistemática de atividade física, melhora a capacidade sexual do homem. Sendo assim, além dos benefícios de proteção conferidos ao exercício regular, tem sido sugerido o treinamento físico no tratamento das dificuldades sexuais.

Um estudo realizado com 678 estudantes universitários revelou que o peso corporal apresenta relação inversa com a satisfação sexual, mostrando que quanto maior o índice de massa corporal (IMC), menor a satisfação nas atividades sexuais.

O efeito do exercício físico foi testado através de estudo controlado, com 78 homens sedentários saudáveis, com média de 48 anos, submetidos a nove meses de treinamento com exercícios supervisionados, três vezes por semana com sessões de 60 minutos de duração. Os sujeitos foram orientados a se exercitar entre 75-80% da Frequência cardíaca (FC) máxima predita pelo teste ergométrico. O grupo-controle (17 homens, 44 anos) participou de caminhadas leves e foi orientado a não exceder em 25min da FC de repouso. Os resultados do estudo trouxeram sistemáticas evidências que o aumento nos níveis de exercício físico melhora o desempenho sexual, o desejo, a excitação, a frequência e a satisfação na atividade sexual, e diminui a insatisfação e os episódios de disfunção erétil no grupo submetido ao treinamento.

DICA 2: ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Embora diversos fatores de risco cardiovascular desempenhem papel fundamental na fisiopatologia da disfunção sexual, o sedentarismo e o sobrepeso constituem os mais importantes fatores a serem modificados no tratamento dos problemas de ereção.

O aumento de peso, independente de outros fatores de risco (hipertensão, diabetes, problemas cardiovasculares etc.), indica uma piora da qualidade da função sexual, como diminuição do desejo, ereção e aparecimento de ejaculação precoce.

Então quando se pensa na relação entre alimentação e impotência sexual, deve-se diminuir a ingestão de alimentos prejudiciais a saúde e que acumulem gordura em nosso corpo. Os primeiros a serem reduzidos são os com alto teor de açúcar, carboidratos simples em excesso, alimentos industrializados e processados, além dos ricos em gorduras ruins.

Ao mesmo tempo, estima-se que a ingestão de alimentos naturais, ricos em flavonoides (componentes moleculares encontrados em vegetais, frutas e cereais) são os responsáveis pela melhora na performance sexual. Eles atuam na flexibilidade e relaxamento das artérias, aumentando, assim, o fluxo sanguíneo até o pênis. Logo, se torna mais fácil ter uma ereção.

Embora os flavonoides estejam presentes principalmente nas frutas vermelhas, as cítricas (limão, kiwi, abacaxi, manga, entre outras) também se demonstraram eficazes contra a impotência sexual. Além disso, elas combatem a ejaculação precoce e ajudam a prevenir doenças cardiovasculares.

Então saiba que existam alimentos que favorecem a ereção e alimentos que não favorecem. Sendo assim, o ideal é buscar ajuda profissional de uma nutricionista.

DICA 3: CHÁ DO AMOR KANNJIN

As duas primeiras dicas são hábitos para você incluir em sua vida, que no longo prazo trarão benefícios incríveis para sua vida sexual, além de melhorar sua saúde de forma geral.

Mas entendemos que quando o homem está impotente, ou sofrendo de ejaculação precoce, é fundamental que se encontre uma solução imediata, pois isso dará força para ele insistir em hábitos saudáveis.

Extraído da natureza, o Chá do Amor Kannjin é uma solução rápida e extremamente eficiente para tratar de forma imediata os casos de impotência sexual, dificuldade de ter ou manter uma ereção, e combater a ejaculação precoce.

O Chá do Amor Kannjin já está no mercado a mais 10 anos e já ajudou e ajuda milhares de homens a terem uma vida sexual mais plena e potente.

Abaixo vamos compartilhar um vídeo do nosso farmacêutico Renar Pacheco.

Para mais informações sobre o Chá do Amor Kannjin, você pode acessar https://loja.chadoamor.com.br/

Qualquer dúvida nossa equipe fica à disposição.

OUTROS ARTIGOS INTERESSANTES PARA VOCÊ

Descubra como a atividade física pode ajudar no tratamento da Disfunção Erétil

Como melhorar a performance sexual? Dicas práticas

03 fatores que diminuem a libido masculina

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *