Hipertensão arterial e disfunção erétil

A hipertensão, geralmente chamada de pressão alta, é quando a pressão arterial de uma pessoa está igual ou maior que 14 por 9.

A hipertensão é uma doença crônica muito comum que pode acometer qualquer pessoa, sendo homem ou mulher e até mesmo as crianças.

Dados da Sociedade Brasileira de Hipertensão apontam que a doença atinga em torno de 25 % da população brasileira adulta, chegando a mais de 50% após os 60 anos aqui no Brasil.

A pressão alta ataca principalmente os vasos, o coração, os rins e também o cérebro.

Quando o sangue está circulando com pressão elevada, os vasos são machucados, e com isso se tornam endurecidos e estreitados podendo, com o passar dos anos, entupir ou até romper, causando sérios problemas de saúde.

1 Hipertensão arterial e disfunção erétil

A pressão alta é considerada uma das principais causas dos problemas de ereção.

Mas antes de sabermos por que ela causa a disfunção erétil, por exemplo, vamos primeiro nos orientar sobre o funcionamento da ereção masculina.

Ereção

Quando o homem é estimulado sexualmente, o cérebro transmite impulsos nervosos para os nervos penianos. Esses nervos irão produzir uma substância química, esta que causa o aumento do fluxo sanguíneo no pênis.

Esta substância química dispara várias reações, que levam as duas grandes câmaras a se encherem do sangue que flui no pênis.

Quando essas câmaras se enchem, as veias que permitem o fluxo sanguíneo do pênis para fora são bloqueadas, e assim o homem consegue obter e manter uma ereção.

5 Hipertensão arterial e disfunção erétil..

Então, quando o homem tem problemas com a ereção, é porque algo está impedindo o sangue de chegar/fluir no pênis.

São os problemas de ereção como a impotência sexual e a ejaculação precoce, que acabam afetando a ereção e principalmente a autoestima e a vida sexual dos homens e de suas parceiras.

Portanto, quando falamos que hipertensão causa a disfunção erétil, é porque a doença não deixa que as artérias que levam o sangue para o pênis se dilatem do jeito que deveriam.

E isso irá fazer com que o músculo do pênis perca a capacidade de relaxar. Aí, não haverá fluxo de sangue suficiente no pênis para que ele fique ereto.

3 Hipertensão arterial e disfunção erétil

Vale ressaltar que os homens com pressão alta também podem ter baixos níveis de testosterona, um hormônio masculino que tem um papel fundamental na excitação sexual.

Outras causas da disfunção erétil

A disfunção erétil é um problema que acomete cerca de 50% dos homens com mais de 40 anos.

É caracterizada pala incapacidade persistente de obter ou manter uma ereção satisfatória para a penetração. Muitas são as causas da disfunção erétil. Além da hipertensão outros problemas físicos e também psicológicos podem ser a causa deste distúrbio:

Problemas emocionais: se o casal vai bem o sexo vai bem. Mas alguns problemas como a ansiedade, a fadiga, depressão, problemas financeiros, estresse do trabalho e até mesmo o medo de falhar na hora H, podem fazer com que você tenha a disfunção erétil.

Por isso fique atento, numa relação, até mesmo uma briga de casal ou o mau humor de alguém pode afetar a ereção. Tentar relaxar e deixar os problemas de lado é a melhor opção.

4 Hipertensão arterial e disfunção erétil

Obesidade: a má alimentação também pode influenciar no aparecimento da disfunção erétil. O excesso de gordura leva à produção de estrógeno, um hormônio que causa aumento na produção do cortisol e leptina. Esses dois últimos hormônios quando aumentados, fazem com que a quantidade de testosterona produzida pelo organismo diminua.

E é aí que mora o perigo; pois o risco de ter impotência sexual pode aumentar. O excesso de gordura também vai se acumulando nos vasos, o que dificulta a circulação sanguínea e a chegada do fluxo de sangue necessário até o pênis.

Sendo assim, a ereção fica comprometida. Para não correr este risco de ser impotente sexualmente por causa de certos alimentos, vale caprichar num cardápio mais saudável, que envolva frutas, verduras e legumes sem excesso.

6 Hipertensão arterial e disfunção erétil

Cigarro: fumar também traz riscos à saúde sexual masculina. Isso porque os fumantes têm riscos muito maiores que os não fumantes, de desenvolver a disfunção erétil.

Os cigarros contém cerca de 4 mil químicos de são prejudiciais a saúde. Já está estampado nos maços de cigarro, que seu uso causa impotência sexual. Quem fuma, com o passar do tempo, os vasos que levam o sangue até o pênis ficam entupidos.

Sem o bombeamento correto do sangue, a ereção não ocorre ou ocorre de maneira insuficiente, levando o homem à impotência.

Além do mais, fumar também eleva a pressão, o que não é nada bom para a sua saúde.

7 Hipertensão arterial e disfunção erétil

Uso de medicamentos: alguns tipos de medicamentos podem levar à disfunção erétil. Medicamentos diuréticos, por exemplo, podem atrapalhar a circulação sanguínea e diminuir a concentração de minerais necessários para a produção da testosterona.

E aí causam problemas na ereção. Medicações utilizadas para o tratamento da pressão alta também podem causar a disfunção erétil.

É importante consultar o seu médico para ver se tem algum remédio para a hipertensão que não cause danos a ereção.

8 Hipertensão arterial e disfunção erétil

Chá do Amor Kannjin ajuda quem sofre com a disfunção erétil

O Chá do Amor Kannjin, é um poderoso energético sexual, feito especialmente para os homens que possuem problemas de ejaculação precoce e impotência sexual/disfunção erétil que se entende como a incapacidade de atingir ou manter uma ereção suficiente para um desempenho sexual satisfatório.

botao-comprar

É extraído de um cipó encontrado na floresta amazônica, chamado “cipó Kannjin”. Diferente dos outros remédios, o chá do amor não possui efeitos colaterais, porque ele é totalmente natural.

Como utilizar o chá?

O chá deve ser ingerido 40 minutos antes do homem passar por uma situação erótica. Deve-se abrir o sachê e despejar o conteúdo em um copo de água, suco, ou refrigerante e ingerir logo em seguida. Vale ressaltar, que o Chá do Amor Kannjin nunca deve ser ingerido com leite, pois a ação da lactose pode inibir a ação do produto.

Sou hipertenso, posso ingerir o chá?

Homens hipertensos deverão ter o controle de seus sinais vitais estáveis, realizando isso com medicamentos para controle de pressão. Somente assim, pós-liberação do médico para atividade sexual, é que podem utilizar o Chá do Amor Kannjin.

2 Hipertensão arterial e disfunção erétil

 

 

12 thoughts on “Hipertensão arterial e disfunção erétil

    • chadoamor says:

      Olá, tudo bem ?

      Caso você seja hipertenso deverá ter o controle de seus sinais vitais estáveis, realizando isso com medicamentos para controle de pressão. Somente assim você deve utilizar o chá do amor kannjin.
      Pacientes com doença coronária crônica (aqueles que ja fizeram angioplastia ou cirurgia cardíaca), se forem assintomáticos aos esforços, ou seja, não apresentam nada em uma atividade física como correr ou subir escadas, estão liberados para a atividade sexual utilizando o chá do amor Kannjin.
      A forma que seu corpo responde em uma atividade física irá dizer se você pode ou não tomar um estimulante sexual. Apresentar taquicardia, tonturas e mal estar em atividades físicas simples indicam que seu condicionamento físico não é o ideal para um relacionamento sexual.
      Então, você deve ter o controle da sua pressão realizada com medicamentos e ser assintomático a exercícios físicos para utilizar o chá do amor.
      Lembre, na dúvida consulte um especialista

      Att.
      Equipe chá do amor

  1. ANDERSON says:

    Bom dia!
    Sou hipertenso e tomo remédio regularmente (atenolol 25mg). Fui diagnosticado pelo cardiologista como hipertenso, há 4 anos.
    Tomei chá do amor algumas vezes e o sexo ficou ótimo. Ereção bem prolongada.
    Sendo que fiquei meio agitado. Isso é normal? Será que a pressão subiu, ou foi psicológico?
    Posso continuar tomando sem medo?

    • chadoamor says:

      Boa tarde, tudo bem?
      Os pacientes hipertensos deverão ter o controle de seus sinais vitais estáveis, realizando isso com medicamentos para controle de pressão. Somente assim você deve utilizar o chá do amor kannjin.
      Pacientes com doença coronária crônica (aqueles que ja fizeram angioplastia ou cirurgia cardíaca), se forem assintomáticos aos esforços, ou seja, não apresentam nada em uma atividade física como correr ou subir escadas, estão liberados para a atividade sexual utilizando o chá do amor Kannjin.
      É importante você estar bem fisicamente, pois a atividade sexual é uma exercício físico, dessa forma estando bem fisicamente o sexo com estimulantes está liberado para você.
      O chá do amor não tem interação com o medicamento atenolol 25mg.

  2. M.SILVA says:

    Boa tarde! Meu esposo toma Carvedilol 25mg, ele teve infarto há quase 2 anos. Ele caminha 3 vezes por semana e sente-se bem após os exercícios. Gostaria de saber se haveria efeito colateral com este chá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *